A IMPORTÂNCIA DA PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DE ORGANIZAÇÕES SOCIAIS E DE SAÚDE, PARA OS PROFISSIONAIS DO CENTRO SOCIAL VALE DO HOME (CSVH)

csvh at

 

Andreia Costa, Diretora Técnica do Centro Social Vale do Homem e Tiago Gonçalves, Enfermeiro da mesma instituição destacam a importância da frequência da Pós-Graduação em Gestão de Organizações Sociais e de Saúde, para o seu desempenho profissional e melhoria do serviço prestado nesta instituição.

 

 

 

Andreia Costa:

O início da pós-graduação em Gestão de Org. Sociais e de Saúde no ISAVE coincidiu com a mudança de emprego para o Centro Social Vale do Homem (CSVH).

A abordagem à Gestão da Mudança possibilitou orientar e dirigir esta transição, mas acima de tudo, sentir-me motivada, empenhada e confiante para integrar um novo projeto, potenciando o  meu compromisso de ação com o CSVH.

O sucesso desta formação resultou na mudança contínua da minha atitude, com intuito de melhorar o meu desempenho profissional, através da aplicação do conteúdo formativa na área da gestão e liderança.

Este curso converteu-se num estimulo a novas ações, desafiando-me a “Acrescentar Valor”, a uma instituição de referência na área social, como é o CSVH, que têm uma visão e estratégia de expansão bem planeadas e definidas, bem como, uma política interna de motivação na gestão dos seus recursos humanos, diferenciador no desenvolvimento dos seus serviços.

 

Tiago Gonçalves:

O curso de pós-graduação de Gestão de Organizações Sociais e de Saúde do ISAVE tem-me permitido adquirir competências nas áreas da gestão financeira e da gestão de recursos humanos, sendo esta a que mais me interessa investir. Dado a importância do valor e do capital humano no Centro Social do Vale do Homem, foi importante para mim, enquanto parte integrante da Direção Técnica, compreender as diferentes vertentes da liderança e o impacto da motivação na qualidade de trabalho.

A necessidade desta formação coincidiu com a consolidação de um dos projetos do CSVH, a abertura do Lar das Termas, em que será necessário da nossa parte uma capacidade de gestão duplicada: 71 utentes de ERPI, 70 utentes de SAD, mais de 50 colaboradores.

Ainda vamos a meio desta jornada formativa e, de acordo com o plano de estudos, serão vários os conteúdos que nos ajudarão a gerir melhor as nossas instituições. Frequentar este curso com a Diretora Técnica do Centro Social, a Dra. Andreia Costa, é uma mais-valia para nós (CSVH), pois conseguimos partilhar a mesma experiência, integrar melhor os conteúdos na vivência da instituição e discutir e reinventar as práticas de gestão.